Ela não está lá

segunda-feira, abril 07, 2014



Ela então se foi,
saindo pela tangente.
Fingiu não ser importante,
arrumou outro “a gente”.

Gente boa o suficiente,
gente fácil de lidar.
Ninguém pra ligar de madrugada,
ou te perturbar.

Procurei achar um motivo,
uma causa, um efeito.
Eles não estão lá.
O mundo dá voltas, e o pra sempre,
não está lá.

Cansada, cansei de esperar.
Voei em liberdade.
Você não pôde alcançar.
Preferiu me julgar.

Amizade que se perde.
Lágrimas choradas,
só estavam de passagem,
assim como suas risadas.

Ela foi embora,
saudades que senti.
Nunca imaginei.
Mas minha cabeça tá feita agora.
Não pensa, mas guarda tudo na memória.

Da ingenuidade da alma se aproveitam,
amizade e palavra,
são coisas que não se pedem.
Lembranças se perdem,
as coisas se ajeitam,
a vida continua.


E ela não está lá.

M.L.V.

Você poderá gostar

0 comentários










Subscribe